procure as receitas deste blog

Loading...

September 29, 2011

Bolo cachepo de flores

Ja vi que nao tem jeito...nao tenho nenhum dom para lidar com plantas.
Logo secam, nao importa o que eu faca, e acabam morrendo.
A ultima quase me deu a esperanda "de que duraria para sempre". Mas foi so eu viajar que a danada morreu, e garanto que nao foi de saudade.
O pote ficou vazio ( como tantos outros), a espera de uma estacao menos quente.
Esta semana os ares comecaram a esfriar ( ate que enfim!), e antes que eu saia plantanto, resolvi "plantar um bolo".
Plantio feito e colheita saborosa. Agora e hora de "dividir as sementes" com todos voces.
Para esta empreitada usei uma massa de bolo mais densa porque do contrario o bolo nao ficaria em pe.
Nao recomendo uma massa fofa porque seria dificil de cavar, mas nada impede que voce tente.
Tambem nao recomendo molhar a massa ou usar recheios que soltem agua como os de frutas frescas por exemplo.
Este bolo resiste longas horas fora da geladeira, o que o torna ideal para uma festa ao ar livre.
Uma vez na geladeira voce vai notar que a massa fica com uma textura seca, o que desaparece por completo, uma vez que a mesma e deixada a temperatura ambiente.
Optei por fazer uma pasta americana para modelar as flores o  que pode ser substituida por chantilly industrializado ou outro tipo de decoracao.
Aqui em casa ninguem come pasta americana ate porque isso ai e puro acucar e corante. Usamos mais pelo efeito que esta da e por ser facil de modelar.
Para o recheio eu fiz uma nutella caseira porque queria um recheio menos doce e usei doce de leite para colar a grama.
No final das contas o doce de leite nao ficou doce como eu previa, portanto vou deixar  apenas o recheio de doce de leite.
Se tivesse usado a caixola teria feito uma mousse de limao bem levinha ou de morango - tarde demais...
Seja qual for a sua opcao de recheio lembre-se: quanto mais leve mais facil de manusear  e menor o risco dele rachar.
Quase tao bonitas quanto as flores que ocupam o cachepo.


Ingredientes para o bolo*
 
1 xicara cha de manteiga ( usei margarina culinaria nao hidrogenada)
6 ovos
3 xicaras de cha de acucar branco ( usei 2 1/2 de acucar granulado)
3 xicaras de cha de farinha de trigo
470 ml de creme de leite fresco
1 colher de cha de extrato de baunilha
2 colheres de cha de extrato de limao ( nao usei)
Comece  lavando muito bem com sabao neutro um cachepo de flor com altura de 19 cm de altura com 20 cm de diametro.

Modo de preparo

Aqueca o forno a 165 ( 180 se for fazer como eu fiz ).
Bata na batedeira o acucar e a amanteiga ate ficar fofo.
Adicicone os ovos um a um e bata bem a cada adicao.
Adicione a farinha de trigo, uma xicara de cada vez, alternando com uma xicara de creme de leite fresco ate terminar.
Adicione a baunilha e o extrato de limao. Bata bem.
Asse por cerca de 1 a 1 1/2 ate que o centro saia para fora ( fazendo uma rachadura no topo tipico de bolo de manteiga).
Assim que estiver pronto vire imediatamente sobre uma grade para esfriar ( se for fazer como eu fiz, so retire o bolo do cachepo quanto este estiver morno ).


Leve o cachepo ao forno e ligue-o a 250 graus para esterelizar e verificar a resistencia do mesmo. Deixe la por 20 minutos.

Ingredientes para o recheio

2 lata de leite condensado cozidas em panela de pressao por 25 minutos ( conte a partir do momento em que  a panela pegar pressao).
250 gramas de avelas quebradas grosseiramente e tostadas no forno.
200 ml de creme de leite de caixinha.
 Retire o cachepo do forno, espere esfriar e forre a parte interna com papel aluminio. Unte com margarina e polvilhe com farinha de trigo. Reserve

Modo de preparo

Reserve uma colher de sopa cheia de doce de leite para colar a grama
Depois que o leite condensado cozinhar, espere ate que o mesmo esfrie para abrir a lata.
Retire o conteudo da lata e coloque em uma tigela pequena e misture os demais ingredientes. Reserve.

Para verificar se o bolo esta pronto use um palito de churrasco que deve ser inserido 7 cm no bolo. Caso nao esteja pronto e a parte superior parecer muito corada cubra a mesma com papel aluminio a massa estiver completamente assada.


Ingredientes para a cobertura de pasta americana

85 ml de agua 
25 gramas de gelatina em po sem sabor ( 1 1/2 colher de sopa)
25 gramas de glucose ( 1 1/2 colher de sopa)
25 gramas de gordura vegetal hidrogenada ou margarina de uso culinario com alto teor de gordura a temperatura ambiente ( 2 1/3 colher de sopa)
+ ou - 1 quilo de acucar impalpavel ou de confeiteiro ( use com no maximo 3% de amido de milho)
corante verde em gel para a grama e as folhas e corante em outras cores a sua escolha
purpurina comestivel( eu usei prata), caso deseje deixar  as flores com brilho.
fita de cetim ou qualquer outro material na largura de 4 a 6 centimetros e comprimento de 80 centimetros.
 Este sera o aspecto do bolo ja quase frio. O centro tera murchado deixando o bolo mais nivelado. Vire o bolo de ponta cabeca ( a parte mais larga para baixo) ate que o mesmo esfrie por completo.

Modo de preparo

Despeje a agua em um refratario medio que possa ir ao microondas, por cima da agua polvilhe a gelatina.
Espere uns 2 minutos e leve ao micoondas em potencia media por 15 segundos.
Mexa e volte a mistura ao microondas caso esta nao esteja completamente liquida, nunca deixe a mistura ferver, caso contrario, perde-se o ponto.
No mesmo refratario adicione  a gordura vegetal e a glucose mexa bem.
Va adiconando o acucar aos poucos No inicio da para mexer com uma espatua , mas a medida que a mistura vai endurecendo o melhor mesmo e usar a s maos.
Sove a massa sobre a pia e so pare de adicionar acucar quando a mistura se desprender por completo das maos.
Divida a massa em tres partes iguais. Tinja uma das metades de verde. As outras metades que sobraram divida-as em  4 ou 6 partes iguais, de acordo com o numero de variedades de cores que voce quer para as rosas.
Forre a superficie na qual voce vai trabalhar com papel filme, assim o corante nao mancha a sua area de trabalho. Depois e so jogar fora o papel filme e espalhar outro.

Mantenha a pasta americana em saquinhos bem fechados para que a massa nao reseque


Para fazer as rosas corte 5 circulos com um cortador (podem ser mais). Disponha um disco sobre o outro ocupando 1/4 de espaco.

Comece enrolando a parte que esta mais proximo a voce, como se fosse um rocambole. Ponha um pouco de pressao enquanto enrola para que tudo fique grudado.

No final das contas voce tera um rolinho igual este. Corte-o ao meio com uma faca afiada sem serra.

Cada rolinho fazem duas rosas


Estas foram as rosas que eu fiz. O corante liquido rachou um tanto a minha pasta, provando que o em gel usado nas rosas rosa e vermelhas e muito melhor.


Abra a massa verde no formato de pizza e com a tesoura na posicao vertical ( em pe), faca picotes na massa para imitar a grama.

Desenhei as folhas com uma faca pequena e fiz as marcas com palito de dente.

Para rechear o bolo comece removendo "a tampa" do bolo.Retire uma fatia de cerca de 3 cm de espessura. Reserve a tampa.

Deixe um espasso de 5 centimetros da borda e com uma faca afiada faca um circulo em toda a volta do bolo. Retire a massa com a ajuda de uma colher e disponha os pedacos em um refratario.
Este sera o aspecto do bolo depois de escavado. Escave o bolo ate retirar 3/4 da massa o 1/4 restante que ficara no fundo impedira que o pote rache.





Antes de espalhar o recheio, amarre a fita de cetim em volta do bolo fazendo um laco frontal. A fita deixara seu bolo mais firme e decorado.
Espalhe o recheio no fundo e na lateral do bolo ( nao precisa espalhar muita coisa).

Depois que voce espalhou o recheio nas laterais e no fundo do bolo o passo seguinte e esmigalhar grosseiramente o bolo que foi escavado e alternar com massa, recheio, massa recheio...e terminar com recheio.
Coloque a tampa de volta no bolo e espalhe por cima a colher de doce de leite que voce reservou.
Coloque a grama por cima deste doce de leite e comece a dispor as rosas (passe um pouquinho de agua com o dedo no fundo de cada rosa antes de por no bolo).
Coloque as petalas e pincele com a purpurina.
Na hora de cortar o bolo, corte uma fatia ate tocar a parte superior da fita de cetim. Sirva toda a parte superior, quando esta acabar, remova o laco e sirva  a parte inferior.

Festinha feliz comemorada com muito carinho



* Butter pound cake by allrecipes.com




































































































































































September 28, 2011

Sopa minestrone

Nem mal comecou o outono e caimos doentes... gripe chata, persistente, incomoda...assim nao vale!
Dureza cuidar dos outros quando voce mesma nao esta "la estas coisas".
Pensei em "abdicar do trono", mas meus "suditos" protestaram. Tentei servir-lhes um menu fast food congelado, mais protestos..."Doente gosta de comidinha caseira, fresca e quentinha!"
Entao atendendo pedidos "direto da enfermaria", ca sai com esta sopinha deliciosa, uma verdadeira mata fome.
A receita e italiana e tem diversas variacoes e modos de preparos mais curtos ou mais longos, porem os ingredientes principais sao sempre os mesmos ( feijao, macarrao e vegetais).
Nao estranhe o fato do feijao ser em latinha, porque o que voce precisa sao dos graos inteiros e sem o caldo, o que nem sempre e facil de conseguir quando cozinhamos o feijao em casa, e depois voce quer mesmo e uma sopa facil e pratica ( assim voce pode se juntar o mais rapido possivel ao demais doentes na enfermaria).
Eu usei vegetais congelados o que reduziu o tempo total da receita para 25 minutos.
O caldo de legumes pode ser comprado ja pronto.
Eu nao tinha abobrinha nem espinafre e ainda assim a sopa ficou excelente. 

Ingredientes para cerca de 12 xicaras de cha de sopa pronta

2 colheres de sopa de azeite de oliva
1/2 xicara de cha de cebola picada
1/4 xicara de cha de abobrinha em rodelas
1/4 xicara de cha de feijao verde congelado cortado na transversal
1/4 xicara de cha de aipo picado
2 dentes de alho picados bem miudinho
4 xicaras de cha de caldo de legumes ou 1 litro de agua com 3 cubos de legumes
1 lata de feijao carioca com a agua escorrida
1 lata de feijao branco com a gua escorrida ( usei feijao vermelho)
1 lata de 800 gramas de  tomate picado com o molho
1cenoura pequena juliene ou ralada ( adicionei + 1/4 de xicara de cha de cenoura congelada em cubos)
2 colheres de sopa de salsinha
1 colher de cha de oregano seco
1 colher de cha de sal
1/2 colher de cha de pimenta preta em po
1/2 colher de cha de majericao seco
1/4 colher de cha de tomilho
2  xicaras de cha de agua quente
3 xicaras de cha de espinafre fresco ( so as folhas)
3/4 de xicada de cha de macarrao concha pequeno

Fiz a sopa pela segunda vez esta semana, mas desta vez, com  abobrinha e  espinafre. E para variar adicionei  seleta de legumes congelada ( cenoura, milho e ervilhas frescas).


Modo de preparo

Aqueca as duas colheres de cha de azeite de oliva em fogo medio.
Refoge cebola, aipo, alho, vagem e abrobrinha por 5 min ou ate que a cebola fique transparente.
Adicione o caldo de vegetais,  tomates, feijoes, cenoura,especiarias e as 2 xicaras de cha de agua quente.
Deixe a sopa ferver por 20 minutos.
Adicione as folhas de espinafre e o macarrao e cozinhe  por mais 25m ou ate  a consistencia desejada.




September 26, 2011

Baguete

Finalmente as baguetes sairam do forno.
Simples e deliciosas, daquelas que voce guarda a receita porque sabe que vai fazer muitas e muitas vezes.
Se nao fosse tanta coisa coisa para fazer, provavelmente, eu nunca mais compraria pao.
Faze-los e muito bom ainda que demore um pouco.
A receita retirei deste blog, e nao fiz nenhuma alteracao ( que milagre!).
As dicas que constam no final do post sao da propria autora da receita.
Quentinhas e frequinhas
Ingredientes

Rendimento: 2 baguettes de cerca de 45 cm


1 xícara de cha* de água morna
1 e 1/2 colheres de chá de fermento seco para pães granulado**
1/2 colher de sopa de açúcar
1 colher de chá de sal (rasa)
2 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
farinha de trigo para dar o ponto
1 clara, para pincelar
fubá para polvilhar o tabuleiro (opcional)

*xícara= 200 ml
** ou 15 g de fermento fresco


Esta foi a primeira vez que fiz a receita e deu super certo.

Modo de preparo

Coloque a água numa vasilha e desmanche o fermento. Acrescente o açúcar e o sal. Com o garfo para pães da batedeira já em movimento, vá acrescentando a farinha e misture até formar uma massa uniforme.
A massa deve ainda estar mole, por isso, acrescente uma colher de farinha de trigo e amasse. Acrescente mais, sempre uma colher de cada vez, até a massa desgrudar das paredes da vasilha. Com as mãos enfarinhadas, tire a massa por um momento da vasilha.
Pingue um poquinho de óleo na vasilha e, com a ajuda da massa, espalhe pelo fundo e um pouco pelos lados e vira também a massa no processo, para que o óleo cubra um pouquinho a superfície. Deixe descansar no forno frio, com uma vasilha pequena contendo água quente, colocada no fundo do forno. Deixe descansar por 40 minutos a 1 hora.
Depois do descanso a massa vai estar crescida e cheia de bolhas. Retire-a do vasilhame e, numa superfície(ou tabuleiro) enfarinhada, amasse-a ligeiramente. Divida-a em duas e espere uns 5 minutinhos para a massa relaxar. Agora pegue uma das massas e vá puxando ligeiramente deixando-a com formato longo. Coloque-a na superfície e, com um rolo, calmamente, vá abrindo e alongando mais a massa. Se ela não estiver muito elástica, pare um pouquinho e repita o processo. Agora abra para os lados. Você vai obter uma forma longa de mais ou menos 40 cm e com 15 cm de largura e fina em expessura. Dobre agora o lado mais comprido, bem apertadinho e enrole como para rocambole, deixando a dobra final para baixo. Aperte agora as pontas para fechar o "rolinho". Com as duas mãos, segure a massa enrolada e, delicadamente, estique-a um pouquinho, alongando-a mais, à gosto.
Transfira para um tabuleiro untado (pode ser polvilhado com fubá) ou coberto com o papel manteiga. Repita o mesmo com a outra massa.
Coloque-as num tabuleiro, ou cada uma em um tabuleiro. Quando as duas baguetes estiverem no tabuleiro, use uma faca afiada, corte dois talhos diagonais da ponta até o meio de cada uma. 
Leve-as novamente ao forno frio, com água quente abaixo, por 30 a 40 minutos. 
Retire o tabuleiro do forno e pré- aqueça a 180ºC. 
Enquanto isso, pincele as baguettes com uma clara batida ligeiramente com um pouquinho de água. Leve ao forno por cerca de 20 minutos, ou até ficar com a cor desejada. 
Deixe esfriar um pouco, antes de servir.
As baguettes podem ser congeladas! Para este fim, asse-as sem que fiquem muito morenas, deixe esfriar completamente, coloque-as num saco plástico e congele. Quando quiser comê-las é só pré-aquecer o forno em temperatura média e colocá-las para assar por mais ou menos 10 minutos.

Dicas:

1. Trabalhe sempre com as mãos enfarinhadas.
2. Apesar da massa ser meio mole e grudenta, ela fica fácil de trabalhar se você mantê-a ligeiramente enfarinhada por fora.
3. Quem não tem um lugar seco e limpo para abrir a massa, pode fazê-lo num tabuleiro.
4. Quem tem problemas ao tranferir a massa pode evitar problemas abrindo a e enrolando-a sob um retângulo de papel manteiga. Depois de enrolada, segure o papel pelas pontas e transfira a baguete para o tabuleiro preparado. Repita a operação com a outra baguete.
5. Você pode regular o tamanho e a expessura das suas baguetes, depois de enrolada, esticando-as mais ou não. Eu costumo fazê-las com mais ou menos 45 cm, pois maior não caberia no meu forno.


September 22, 2011

Sorbet de morango

Ainda na onda dos sorbets ( e estarei la por um bom tempo), resolvi testar o de morango.
Seja pela cor ou pelo sabor, este costuma ser um dos preferidos aqui em casa.
E o povo deu muito sorte porque os encontrei ( os morangos) quase de graca.
Segui mais uma vez a receita proposta por William -Sonoma*, na qual fiz algumas adaptacoes, pois o mesmo nao tinha uma receita para sorbet de morango.
O resultado foi um sorbet delicioso digno de aplausos.

Passei a semana "na dieta do morango". Suco, bolo, smoothie, geleia, torta e sorbet. Foi muito duro.

Ingredientes

500 gramas de morangos lavados e sem a coroa
1 xicara de cha de acucar granulado
250 ml de agua
1 colher de sopa  de suco de  limao fresco
Lave os morangos com a coroa, seque-os e so entao a remova,caso contrario os morangos acabam absorvendo agua e isso dilui o sabor dos mesmos.
Comprei este utensilio achando que nao iria servir para muito coisa. Tava errada.

Uma verdadeira mao na roda. Tira a coroa do morango e tomates sem disperdicar nadica.

Modo de preparo
Leve ao fogo medio a agua e o acucar.
Deixe no fogo ate que o acucar esteja completamente dissolvido e sem graos visiveis.
Bata 10 morangos no liquidificador e despeje esse pure na panela que esta no fogo.
Deixe ferver por 2 minutos.
Retire do fogo e deixe descansar por 5 minutos.
Coloque todo o restante dos morangos no liquidificador e com ele ligado va despejando a calda aos poucos. Bata bem.
Leve a mistura obtida para o freezer ate que esta congele.
Retire do freezer e deixe descansar por 15 minutos a temperatura ambiente.
Bata 1 xicara de cada vez no liquidificador.
Despois de tudo batido adicione o limao e mexa.
Volte a mistura para o freezer e sirva quando esta estiver congelada.

A calda nao deve virar geleia, porque se isso acontecer a mesma nao dara o ponto certo do sorbet.

O ponto certo da calda se da quando ele comeca a subir parecendo com leite pouco segundos antes de ferver.

A foto acima e do sorbet ja pronto. A quem se incomode com as sementinhas do morango, se este for o seu caso peneire depois de ter batido a primeira vez.



*Frozen Desserts by - Williams- Sonoma

September 18, 2011

Pao de alho

Ja comecei a minha  semana "mal".
Haja visto que com tanta massa nao ha dieta que de certo! Afe!
O problema e que nao resisto ( como se tentasse ), e acabo na cozinha assando...cozinhando...pensando na proxima receita...
E apesar da alma italiana ( penso que sou, quase nasci  uma), nao ando folheando meus livros.
Esta receita em questao nem estava nos planos, simplesmente aconteceu. Olhei, gostei, fiz e nao me arrependi.
Os paezinhos sao muito macios e leves.
Da receita original ( sim tenho um comichao por mexer na receita dos outros), so troquei a gordura hidrogenada ( porque ninguem merece este junk), por uma manteiguinha de soja, simples e honesta.
E e claro, pao de alho tem que ter alho, e na minha opiniao esta receita precisa de "uns dentinhos".
Entao eu amassei uns dentinhos de alho, misturei com a amanteiga e um pouco de oregano e pincelei por cima.
Com relacao ao formato do pao,  a receita original sugere que este seja um "pull-apart", literalmente um pao feito para ser puxado ao pedacos,  (com as maos mesmo). 

 Pincele o pao antes de leva-lo para assar.

Ingredientes

2 1/2 a 3 xicaras de cha  de farinha de trigo
1 colher de sopa de acucar
3 colheres de cha de fermento para pao
1 colher de cha de sal
1/2 xicara de cha de leite semi desnatado ( usei integral)
1/2 xicaras  de cha de agua
2 colheres de sopa de manteiga
1 ovo
1 colher de cha de paprica
1/2 colher de cha de alho em po
1/4 xicara de cha de manteiga derretida
1 colher  de sopa de semente de gergilim (opicional)

Modo de preparo

Em uma tigela grande misture 1 1/2 xicara de cha de farinha de trigo, acucar, fermento e o sal.
Em uma panela aqueca o leite a agua e as 2 colheres de sopa de manteiga a 49-54 C.
Depois de quente adicione a mistura aos ingredientes secos.
Amasse tudo muito bem com as maos ou use uma batedeira com o gancho proprio para massa.
Adicione o ovo e o restante da farinha.
Sove bem a massa ate obter uma textura macia.
Espalhe um pouco de farinha de trigo sobre uma bancada e sove a massa ate que esta fique elastica ( cerca de 6-8 min).
Nao precisa deixar crescer.
Divida em 12 pedacos.
Modele no formato de  bisnaguinhas.
Misture a paprica e o alho em po. Reserve.
Mergulhe cada poazinho na manteiga derretida e entao na mistura de paprica.
Coloque 6 paezinhos em uma forma para pao pequena untada com margarina.
Polvilhe metade de semente de gergilim sobre os paes.
Repita o mesmo proceso com os 6 paezinhos restantes, dispondo-os em cima dos primeiros 6.
Cubra e deixe crescer ate ate dobrar de tamanho (cerca de 45 min.)
Asse os a 190 C ate ficaren dourados.
Depois de pronto desenforme  e deixe-os esfriar sobre uma grade.

Guarde o que sobrar envolvido em papel filme.

September 15, 2011

Bolo vegan de chocolate

Sempre tenho vontade de rir quando me lembro de um comentario que fora feito em um blog vegan.
"- Voce  ora para teu bolo crescer? Como e que isso da certo sem ovos?"
Vegans ou nao todo mundo sabe que nao da para abusar todos os dias.
A mim  me agrada muito a ideia de poder fazer um bolo mais saudavel, sem ovos ou  leite e este aqui sem duvida, foi o melhor bolo vegan de chocolate que eu ja comi.
Tao igual ao bolo de chocolate convencional que a menos que voce o diga ninguem ira adivinhar.
Cabem apenas algumas observacoes minimas que ficam ao seu criterio seguir ou nao.
A receita pede para deixar o bolo no forno depois de assado e tira-lo de la depois de frio. 
Nao segui esta recomendacao, portanto, nao saberia dizer que diferenca isso faz, especialmente porque o bolo ficou maravilhoso. 
A cor e a textura se intensificam no dia seguinte, portanto nao se preocupe se ele a primeira vista parecer um tanto claro, logo escuresse.
Nao usei o anis pedido ou qualquer coisa no lugar deste, e penso ter sido melhor assim, pois o sabor do anis poderia "mascarar" o sabor do chocolate.
A receita tambem nao diz se pode ou nao usar a batedeira, eu usei, e nada deu errado.
A temperatura do forno nao foi mencionada, de modo que, prevaleceu o "olhometro". Deixei o bolo assar em forno pre aquecido a 180 graus por 15 minutos, depois baixei para 160 ate assar ( tempo total 25 -30 minutos).
Apesar de ter usado uma forma antiaderente, preferi untar e enfarinhar so para garantir o resultado.
E por ultimo ( so mesmo para constar), substitui a palavra chavena por xicara,  para evitar confusoes.

Esta foi a primeira tentativa. Fiquei tao animada que resolvi fazer a receita outra vez.

Ingredientes

3 xicaras de cha de farinha de trigo
1  e  1/2 xicaras de cha de açúcar
1/2  xicaras de cha de cacau em pó
3/4 xicaras de cha  de óleo
2 xicaras de cha  de água
1 colher de chá de sal
2 colheres de chá de vinagre
2 colheres de sopa de anis ( nao usei)
2 colheres de chá de bicarbonato de soda
Segunda tentativa. Desta vez com gotinhas de chocolate.


Modo de preparo
Misture todos os ingredientes em uma tigela misture tudo a mao ( ou bata com a batedeira).
Despeje numa forma com furo central untada e enfarinhada em forno pre aquecido a 180 graus ( diminua a chama para 160 depois de 15 minutos se o seu formo for muito quente).
Depois de cozido, deixar arrefecer dentro do forno antes de desenformar, e está pronto para comer.

Terceira tentativa. Desta vez com gotinhas de chocolate e menta.

Deitei as duas ultimas receitas em forminhas de muffins( depois de assados os muffins grudam um pouco nas forminhas de papel, mas a medida que vao "envelhecendo" desprendem-se facilmente). Sairam tao gostosos quanto o bolo.

Degustados com sorvete napolitano de soja.





Receita retirado do blog - Caos na cozinha.

Pao sovado salgado recheado

A receita pao sovado eu ja postei neste blog ha um tempo atras.
De la para ca ja perdi as contas de quantas vezes ja o fiz.
Mas foi entao que me veio a ideia de faze-lo salgado e recheado.
Fiz algumas adaptacoes que ja inclui na receita abaixo.
O resultado foi alem do esperado.

Nao pincelei com a gema porque fatiei o pao e o queijo deu conta de deixar tudo dourado e macio.

Ingredientes para a massa

1 copo de leite morno com 1 ovo dentro (240 ml)
1 colher sopa de acucar
1 colher sopa de sal
4 colheres sopa de margarina ou manteiga
3 copos de farinha de trigo (240ml)
1 colher sopa de fermento seco instantaneo
uma gema de ovo e um pouco de azeite para pincelar

A quantidade de recheio pode ser maior ou menor que nao ira atrapalhar o crescimento da massa.


Ingredientes para o recheio

2 xicaras de cha de mussarela ralada (se  usar fatias calcule cerca de 8 fatias) 
1/2 xicara de cha de azeitonas picadas
1/2 xicara de cha de tomate seco picado
oregano a gosto

Fazer o formato que eu fiz e bem simples: depois de ter dado o formato de uma baguete ao pao, fatie-o e coloque as fatias sentadas  juntinhas umas das outras. Eu cortei em 15 pedacos de 4 centimetros cada. Depois que a massa crescer,as fatias ficarao ainda mais juntinhas sem espacos entre elas.

Modo de preparo

Coloque os ingredientes na maquina de fazer pao na ordem na qual aparecem.
Selecione o Ciclo Massa.
Depois de completado o ciclo, retire o pao da maquina e sove um pouco.
Abra a massa, recheie e modele a massa no formato de uma baguete longa.
Deixe descansar ate dobrar de volume.
Pincele com a gema de ovo e o oleo de azeite misturados.
Asse por 50 minutos em forno quente ate dourar.
Antes de levar ao forno, eu polvilhei com parmesao ralado fresco, e assei o pao em refratario redondo de vidro sem untar ou enfarinhar.

September 14, 2011

Pao de cenoura

Pao de cenoura fresquinho para o cafe da manha...hummm!
Eu queria um pao de cenoura levemente adocicado para o cafe da manha, mas estava muito cedo para "bisbilhotar" uma receita  na net, entao aproveitei esta receita* que eu tinha  e acrescentei mais  acucar e no lugar do leite eu usei iogurte natural com a consistencia mole.
A temperatura do forno foi ajustada para 180 graus porque fiz paes pequenos.
A receita nao menciona, mas usei tudo a temperatua ambiente quando nao da tempo de tirar as coisas com antecedencia eu sempre esquento o leite e a margarina.
A quantidade de cenoura tambem nao foi mencionada, mas sempre uso 3 pequenas finas ou 2 pequenas grossas.
O sabor ficou excelente.

Guarde o que sobrar dos paes em sacos plasticos bem fechados.

Ingredientes

1 xicara de cha de leite ( usei iogurte natural com consistencia mole)
3 cenouras sem casca raladas
sal a gosto
30 gramas de fermento biologico
1 colher sobremesa de acucar ( usei 2 colheres de sopa de acucar granulado)
5 xicaras de cha de farinha de trigo ( so precisei de 4 )
200 gramas de margarina
oregano a gosto ( nao usei )
1 gema batida para pincelar ( nao usei )

Como queria paes individuais, eu usei formas de muffins medios para assa-los. Fiz bolinhas que preencheram 3/4 da forma. Depois de crescer pela segunda vez, os paes atingem o topo.


Modo de preparo

No liquidificador, bata o leite, a cenoura e o sal.
Despeje em uma tigela e junte o fermento misturado com o acucar.
Adicione a farinha de trigo  a margarina e o oregano.
Trabalhe a massa ate soltar das maos.
Cubra com um pano e deixe descansar ate dobrar de volume.
Trabalhe a massa novamente e molde o pao.
Ponha em uma assadeira, untada com margarina e enfarinhada.
Pincele a superficie com a gema.
Asse no forno pre aquecido a 200 graus por 40 minutos ou ate dourar.


*Revista- Delicias da Calu-

September 13, 2011

Bolo Napolitano

E engracada como as memorias nos vem a cabeca quase sem querer...da infancia emergem cores e cheiros., bala de jujuba, chiclete Plic Ploc, dip n lick, doce de coracao de abobora... e no natal sorvete napolitano-um classico.
Dai veio a ideia de um bolo napolitano.
Eu nao queria um bolo muito grosso, sendo assim usei uma receita de bolo branco simples que tinha e a dividi.
O bolo ficou numa altura excelente, alto  mas nao tijolao.
Escolhi recheios que combinacem com o sabor de cada massa.
Apesar da aparencia este e um bolo super simples e rapido ( leva cerca de 3 horas para ficar completamente pronto). 


A decoracao pode ser feita com as tres cores do bolo. Para tanto divida o chantilly  em tres partes. Na primeira adicione cacau em po. Na segunda algumas gotas de corante rosa e deixe a terceira ao natural.
Faca uma linha imaginaria dividindo o bolo em tres.
Espalhe cada uma das coberturas seguindo esta linha.


Ingredientes para a massa branca

1 xicara de cha de farinha de trigo peneirada
3/4 de xicara de cha de acucar
1/2 xicara de cha de leite
2 ovos ( claras em neve bem firme)
3 colheres de sopa de margarina
1 colher de sopa rasa de fermento em po
6 gotas de extrato de baunilha

Ingredientes para a massa de chocolate

Use os 6 primeiros ingredientes da massa branca +
1/4 de xicara de cha de cacau em po
Adicione um pouco mais de leite (1/4 de xicara) se a massa parecer dura

Ingredientes para a massa de morango

Use os 6 primeiros ingredientes da massa branca +
1 caixinha de gelatina sabor morango
Retire uma colher de sopa de acucar da receita

No lugar da gelatina voce pode usar mistura para pudim nos sabores do bolo

Bata na batedeira as gemas com o acucar e margarina ate formar um creme fofo.
Adicione todos os demais ingredientes ( exceto o fermento e as claras em neve).
Desligue a batedeira e misture as claras em neve e o fermento com movimentos de cima para baixo.
Despeje a mistura em uma forma de aro removivel media untada e enfarinhada a 180 graus por cerca de 30-40 minutos.
Teste com o palito para ver se assou.
Faca o mesmo processo com as demais massas.

A minha montagem ficou assim: base  de morango com recheio de morango, meio de chocolate com recheio de chocolate, topo de massa branca e cobertura de chantilly.

Recheios n 1

300 gramas de chantilly adocado batido conforme as instrucoes da embalagem.
500 gramas de morangos lavados e picados.

Recheio n 2

400 gramas de chocolate meio amargo
250 gramas de creme de leite
Derreta o chocolate conforme as instrucoes da embalagem.
Adicione o creme de leite e leve para a geladeira ate o momento de usar.

Cobertura

400 gramas de chantilly fresco batido com acucar.
Confeitos coloridos.

Para regar a massa

Refrigerante tipo guarana ou leite de soja light ja pronto  nos sabores , morango, chocolate e baunilha.


Lembre-se que voce nao vai virar o bolo e ponta cabeca, portanto escolha a ordem das cores pensando nisso.

 Montagem do bolo

Pegue uma das massas ( escolha a ordem que desejar), coloque- a dentro da forma de aro removivel, regue e espalhe o recheio.
Coloque a segunda massa por cima, de uma leve apertada para baixo, regue e espalhe o recheio.
Cubra com a ultima massa, aperte para baixo, regue.
Escolha o prato no qual vai servir o bolo, remova o aro e espalhe a cobertura.
Decore com os confeitos.
Conserve na geladeira ate o momento de servir.